Homem Que Sabia Demais (Samuel Rosa - Fernando Furtado - Tavinho Paes)


Sabia? Sim
Sabia mais e mais e mais e mais
O homem que sabia
Cheio de eletricidade

Ele sabia que o amor é um tiro
Num alvo além da visão
Capaz da miragem mais linda
No olho de um furacão

Sabia que o desejo é um rio
Cheio de eletricidade
Como um animal no cio
Indiferente a felicidade

Ele sabia que sua paixão
Debochava da velha moral
Como um feitiço absurdo
Muito além do bem e do mal

Continuava sempre sozinho
Procurando entender a razão
Que lhe tornava um ser tão sabido
Mas não lhe explicava a solidão

O homem que sabia demais não sabia
Não sabia esquecer
Nem voltar atrás
Pois sabia mais, muito mais,
Do que podia saber



Álbuns relacionados


Download da música
Disponível no iTunes